O PT não faz mais parte da gestão da prefeita Fátima Silva, que já foi condenada em vários processos por improbidade administrativa. O partido que venceu as duas últimas campanhas em Ouro Branco terá candidato próprio a prefeito e uma nominata que vem sendo trabalhada para a Câmara Municipal. A base da prefeita vem sofrendo muitas perdas.

A informação foi dada pelo vice-presidente do PT, Zulamar Juarez, ex-secretário de Esportes da cidade e que atualmente é assessor da deputada federal Nathália Bonavides. Segundo Zulamar, a decisão do PT de Ouro Branco tem o apoio da governadora Fátima Bezerra e dos deputados Francisco do PT e a própria Nathália. Por orientação da prefeita Fátima Silva, os vereadores Adriano Silva e Dedé Moura, que preside a Câmara abandonaram o PT e caminham para o PL;

O PT tem hoje o nome do professor Milton Dantas, que coordena a Pastoral da Criança na Arquidiocese de Natal. Ele é irmão do vereador Paulo Dantas, que deve tomar uma posição partidária até o próximo sábado (4). Além de Milton, outro nome que recebe incentivos do Diretório Estadual do PT é Zulamar Juarez, que tem força e acesso junto a governadora Fátima Bezerra e também ao senador Jean-Paul Prates, do PT.