Professor de caratê procurado ficou careta para não ser reconhecido — Foto: Arquivo pessoal

A Justiça decretou a prisão preventiva, na tarde desta segunda-feira (4), do professor de caratê preso em São Luís, no Maranhão, que era procurado suspeito de abusar sexualmente de quatro meninos, em Araçoiaba da Serra (SP).

De acordo com a Polícia Civil, Erick Marques Alves foi encontrado quando estava com um RG falso com o nome “Jackson” e tentava procurar emprego. Contra ele havia um mandado de prisão temporária, que convertido.

Segundo o delegado de Araçoiaba da Serra, Irani Barros, ele foi indiciado por estupro de vulnerável e continua detido no Maranhão até ser transferido para São Paulo. A defesa do suspeito não foi localizada.

Polícia procura professor de caratê suspeito de abusar de meninos dentro de academia — Foto: Aurélio Fidêncio/Clickaraçoiaba

Polícia procura professor de caratê suspeito de abusar de meninos dentro de academia — Foto: Aurélio Fidêncio/Clickaraçoiaba

Relembre o caso

O professor é suspeito de pedir para os adolescentes o acompanharem até um quarto, local onde aconteciam os abusos frequentes.

A polícia apreendeu três HDs, um computador, um tablet, um pen drive, um roteador e um videogame que estava conectado à internet.

Em nota oficial publicada no Facebook, a Prefeitura de Araçoiaba da Serra disse que não havia recebido qualquer comunicado envolvendo alunos do Departamento de Cultura.

O SuperAção de Karatê conta com cerca de 80 atletas, que treinam diariamente na academia. Além disto, o grupo realiza ações sociais na cidade e desde 2017 ministra aulas de karatê. A página da SuperAção no Facebook foi desativada e as placas da academia foram retiradas.