A equipe do Programa Estadual do Artesanato (Proart), desenvolvido pela Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), visitou, nesta quinta-feira (13), o município de Jardim do Seridó com a finalidade de cadastrar os artesãos locais.

O atendimento ao público foi realizado na sede do Sindicato Rural. Mais de 40 artesãos jardinenses realizaram o cadastro, efetuando a regularização, de acordo com as políticas do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB).

O cadastramento é importante porque vai fornecer a carteira do artesão com validade em todo o território brasileiro. O documento funcionará como a identidade do artesão que terá direito a emissão de nota fiscal com isenção de ICMS, desconto na aquisição de matéria prima, nas lojas credenciadas, participação em feiras etc.