A cidade de Mossoró, localizada na região Oeste do Rio Grande do Norte, registra, neste domingo 14 de julho de 2019, mais um homicídio, o segundo do dia e eleva para 98 o número de assassinatos no ano.. Desta feita o crime aconteceu por volta das 20h30min, na Rua Antônio Ivo Marinho no Bairro Alto da Pelonha.

Um homem, que não portava documentos, mas que segundo populares  era conhecido no Bairro como, “Dedé Mototaxista”, foi alvejado com com cerca de 4 tiros e morreu em frente a uma residência, que seria de sua propriedade, mas que ele não morava no local.

Informações recebidas pela polícia, a vítima teria cometido um homicídio contra sua companheira no passado, mas não confirmações se a morte dele tem relação com o crime que o mesmo cometeu. No local ninguém quis dar informações sobre o ocorrido. Populares disseram apenas que ouviram muitos tiros.

De acordo com a perícia do Itep, a vítima foi atingida com cerca de quatro tiros, todos na cabeça, o que caracteriza uma execução. No local não foram encontradas capsulas o que se deduz que a arma usada no crime teria sido um revólver. Após os trabalhos da perícia, o corpo de Dedé Mototaxista foi recolhido e encaminhado a sede do Itep para ser examinado e depois liberado para sepultamento.

O delegado de plantão Dr. Valtair Camilo de Paiva, informou que por ser um local escuro e deserto a investigação do crime fica comprometida, mas que fará um relatório, que será encaminhado à Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa que vai tentar identifica a motivação e chegar aos autores do assassinato.