Governadoria do Rio Grande do Norte.

Lembra dos voos charters da Holanda? Aquele que teve até festa e foi divulgado em vídeo pela secretaria de turismo do estado como uma grande conquista?

O Blog foi informado na manhã desta quinta-feira(16), e confirmou com uma das pessoas envolvidas na operação, que o Governo do Estado deu calote de U$ 200 mil na operadora Corendon Airlines, o que corresponde a mais de R$ 1 milhão ao preço atual.

O voo direto Amsterdã-Natal, celebrado em 2019, surgiu com o objetivo de alavancar o turismo no Estado. “Queremos não só fortalecer o turismo sol e mar, mas ir além disso. Queremos, nesse contexto, trabalhar a interiorização do turismo, a gastronomia, o turismo de aventura”, disse Fátima, na ocasião.

As operações da rota, ainda na ocasião, foi anunciada com expectativa de duas frequências semanais e 360 passageiros a cada sete dias. “O acordo firmado com a empresa estabelece o trajeto por 6 meses, inicialmente. Todavia, vamos trabalhar com empenho para que este voo seja efetivado e o Rio Grande do Norte volte a ser um dos principais destinos de férias de verão dos europeus. Nosso grande objetivo é conseguir reabrir e restabelecer esse mercado”, destacou Ana Maria da Costa, secretária de Turismo.

As contrapartidas eram do governo do estado, da prefeitura do Natal e da classe empresarial para termos esses voos na alta estação.

Blog do BG.