O Governo do Estado confirmou a nomeação de 122 novos agentes penitenciários concursados dentro do limite das vagas. As convocações foram acordadas para os meses de julho e outubro deste ano.

O anuncio da decisão coube ao vice-governador Antenor Roberto, após reunião com representantes dos concursados, e os secretários da Justiça e Cidadania , Pedro Florêncio, da Segurança Pública e Defesa Social, Francisco Araújo, e o procurador geral do Estado, Luis Antonio Marinho.

A equipe econômica estudou o impacto financeiro e a Procuradoria Geral do Estado analisou a contratação considerando as limitações impostas pela Lei de Responsabilidade Fiscal.