Gás de pimenta atingiu os jogadores do Boca na chegada ao Monumental; reunião definiu duelo para às 20h15.

A chegada da delegação do Boca Juniors ao Monumental foi marcada por muita confusão e o clube se recusa a entrar em campo neste sábado (24) para jogar a grande decisão da Copa Libertadores contra o River Plate.

Com pedras e gás de pimenta, os jogadores do Boca foram atingidos, entre eles Tévez e Benetto: “Nos atiraram de tudo”, disse Cali Izquierdoz ao Olé.

Os jogadores chegaram ao Monumental cobrindo o rosto e os olhos lacrimejantes, enquanto o capitão da equipe teria machucado o braço e foi levado ao hospital.

Ainda segundo o canal Fox Sports, a janela do ônibus da delegação foi atingida por uma pedra, o que teria contribuído com o efeito do gás sobre os atletas e parte da comissão técnica.

Após uma longa reunião entre dirigentes da Conmenol, clubes e Gianni Infantino, presidente da Fifa, foi decidido que a grande decisão terá início às 20h15 (de Brasíli). Num primeiro momento, a partida havia sido adiada em uma hora.