Alexis Sánches após fazer o segundo gol para o Manchester United. Foto - Rui Vieira/EFE

O Manchester United fez o suficiente para derrotar o Huddersfield neste sábado, pela 26.ª rodada do Campeonato Inglês. O chileno Alexis Sánchez marcou pela primeira vez com a camisa do clube e levou o time de José Mourinho ao triunfo por 2 a 0, no estádio Old Trafford.

O resultado levou o Manchester a 56 pontos, 13 atrás do rival City, que só empatou com o Burnley neste sábado. No domingo que vem, dia 11, o United volta a campo para encarar o Newcastle, fora de casa. Já o Huddersfield segue sem vencer em 2018 pelo Inglês, parou nos 24 pontos e é o vice-lanterna. Pela Copa da Inglaterra, visita o Birmingham na terça.

Vindo de quatro derrotas seguidas – e sete partidas sem vencer – no Inglês, o Huddersfield entrou em campo com o claro objetivo de se defender. E no primeiro tempo, deu certo. O Manchester até assustou, mas não furou o bloqueio. Aos sete minutos, quase marcou com Lingard, que arrancou e bateu em cima de Lössl.

Com muitas dificuldades para criar, os donos da casa só voltaram a atacar aos 26, quando Sánchez fez ótima jogada e bateu na entrada da área, parando novamente em Lössl. Mas foi apenas isso no primeiro tempo.

Insatisfeito, Mourinho voltou com o Manchester mais ofensivo após o intervalo, e a primeira boa chance veio logo com um minuto. Sánchez tabelou com Lukaku pelo alto e bateu firme, mas na marcação. Pouco depois, o chileno tentou, a bola bateu na zaga e ficou para Lingard, que isolou.

De tanto insistir, o Manchester abriu o placar aos nove minutos. Sánchez venceu a disputa próxima à área e Matic tocou na esquerda para Mata, que chegou cruzando. No meio da área, Lukaku se antecipou à marcação e desviou de canhota para a rede.

O mesmo Lukaku quase ampliou aos 20, mas o Manchester selaria o resultado aos 22. Sánchez foi calçado na entrada da área e o árbitro marcou pênalti. O chileno bateu no canto direito de Lössl, que espalmou. A sobra, porém, ficou nos pés do atacante para ele empurrar para a rede.