Incêndio atingiu barracas no Parque do Povo, no São João 2018 de Campina Grande na noite do sábado (30) (Foto: Artur Lira/G1)

São João 2018 de Campina Grande teve os shows do sábado (30) cancelados após um incêndio em barracas do Parque do Povo. O espaço foi evacuado pelo Corpo de Bombeiros, que controlaram as chamas próximo à Pirâmide. A saída de emergência foi aberta e houve correria no local. Uma câmera de segurança do circuito interno da festa flagrou o início das chamas.

Incêndio no Parque do Povo (Foto: Luciano Diniz/G1)
Incêndio destruiu 24 barracas no Parque do Povo durante São João 2018 de Campina Grande (Foto: Renan Zott/Arquivo pessoal)

O que se sabe sobre o incêndio no Parque do Povo

• Começou às 19h20 e foi controlado às 22h
• Fogo iniciou durante troca de botijão de gás
• Duas pessoas ficaram feridas levemente
• 24 barracas e seis quiosques foram destruídos
• Shows do sábado foram cancelados e local evacuado
• Resultado da perícia sai em 30 dias

O que foi cancelado?

Por segurança, o Parque do Povo foi totalmente evacuado e os shows de Avine Vinny, Amazan, Forró da Barka e Rapha Mello, que aconteceriam no sábado, foram cancelados na arena de shows da festa.

O Parque do Povo foi vistoriado e após a remoção dos escombros, o Corpo de Bombeiros autorizou a liberação do espaço e os shows deste domingo (1º) devem acontecer.

Qual a origem do incêndio?

De acordo com a comandante regional do Corpo de Bombeiros em Campina Grande na Paraíba, tenente-coronel Jousilene Sales, o fogo começou durante uma troca de um botijão de gás e o entregador da empresa reconheceu que houve falha técnica no botijão. Segundo ele, havia uma chapa fria na barraca, mas não soube informar de onde partiu a faísca que iniciou o incêndio.

O incêndio começou por volta das 19h20 e segundo a Associação dos Comerciantes do Maior São João do Mundo, foi controlado completamente por volta das 22h.

Houve feridos?

A assessoria do Hospital de Trauma de Campina Grande informou que duas pessoas deram entrada após ficarem feridas no Parque do Povo. Uma das vítimas, de 33 anos, que foi por conta própria para o hospital, estava próxima à palhoça onde teria iniciado o incêndio e teve uma queimadura no braço. A outra, de 46 anos, passou mal após inalar a fumaça espalhada no local. Elas permanecem no hospital e o estado de saúde é estável.

De acordo com a Equipe de Bombeiros, um bombeiro teve uma queimadura leve e outros dois passaram mal devido à fumaça. Uma perícia vai ser feita e segundo os Bombeiros, o laudo sai em até 30 dias.